A Igreja de São Ulrico e Levino - reconstrução de um edifício da maior importância na história do mundo

Nenhuma outra cidade no mundo manteve-se tão verdadeiro à Palavra do Evangelho como Magdeburg. A Igreja de São Ulrico e Levino encarnava as ideais da cidade do progresso, da Reforma e do humanismo e reflectava a sua auto-confiança urbana. As idéias de Martinho Lutero foram distribuídos da sua paróquia em todo o mundo. Por esta razão é um edifício da maior importância na história do mundo. Por razão do comunismo ateístico a igreja foi demolida por explosão em 1956. A sua reconstrução seria absolutamente obrigatória.



A igreja foi demolida por explosão em 1956  

A Igreja de São Ulrico e Levino - local da Reforma Protestante da maior importância na história do mundo

500 anos da Reforma Protestante (1517 - 2017), 1000 anos da Igreja de São Ulrico e Levino (1004 - 2004). Ele tenha sido a igreja a segunda mais velha de Magdeburg construída aproximadamente entre 993 e 1022, o mais provavelmente em 1004. O filho da cidade de Magdeburg o mais famoso, Otto von Guericke, foi batizado em este igreja.

A igreja formava uma parte crucial na história da cidade, especialmente durante a Reforma Protestante. Assim pode-se dizer tamben que a igreja formava uma parte muito importante na história de Europa e mesmo do mundo. A Igreja de São Ulrico e Levino é o solo edifício fora de edifícios religiosos que Magdeburg tem perdidos que pode ser reconstruido - tamben hoje - completamente fiel ao original sobre os fundamentos originais no local original.

A idéia da reconstrução é de algém qui é completamente nativo de Saxônia-Anhalt e qui é orgulhoso de serlo; é un membro permanente desde longos periodos da "Magdeburgische Gesellschaft von 1990 e. V." (a Sociedade de Magdeburg de 1990). Assim a idéia não é nenhum resultado de influência externa. O edificio moderno Ulrichshaus (Casa Ulrico) e o arcade Shopping Allee-Center ambos construidos depois da fim do comunismo na Alemanha (a queda do Muro de Berlim) serão suficientemente baixos para permitir uma vista panorâmica para a igreja do río Elbe.

O arcade Shopping City-Carré com as suas passagems diagonais conduzirão aos visitantes e aos pedestres fora da estacão central direitamente para as torres gemelas da Igreja de São Ulrico. En conformidade com os conceitos do urbanismo a Igreja de São Ulrico harmonizará com seu âmbito novo respectivamente velho. A igreja receberia tambem aos viajantes em trem (comboio) chegando na estacão e convida-os a ter uma visão mais perto da cidade velha.

É a igreja que aumentaria a atratividade do Norte da cidade velha porque seria formando um conjunto de edifícios de arquitetura gótica, do Realismo Socialista (un estilo arquitectônico neoclássico do siglo XX) y de estilo moderno - todos unidos harmoniosamente; um conjunto difícil a encontrar em outro local em Alemanha. Os dois edifícios neoclássicos formam uma estrutura comparável a um "novo portão da Cidade de Ulrico"; é a casa moderna Ulrichshaus que é no Este do Ulrichplatz (Praça Ulrico). Faltando agora é exclusivamente a Igreja de São Ulrico perto a Fonte Ulrico muito popular para completar a reconstrução do centro da cidade.

O passado e o futuro - todos em um local! O fim da utilisação do edifício novo seria definida exatamente. Um centro da cidade deveria ofrir muito mais que arcades Shopping e lojas de departamento! O turismo seria impulsionado, a atenção seria direcionada para a cidade, novos empregos seriam criados, a auto-confiança urbana da cidade aumentaria e o conjunto de edifícios representaria um ímã de criativitade. Estructuras arquitetônicas - incluindo tambem reconstruções - formam uma parte de maior importância pela concorrência das cidades relativo a las suas capacidades de atracção. A Igreja de São Ulrico poderá ser reconstruída exatamente na escala 1:1. Que extraordinária oportunidade para a Saxônia-Anhalt, que única oportunitade para a Alemanha!

A Praça Ulrico com a Igreja de São Ulrico (vista aérea)

A história trágica da cidade de Magdeburg

A arquitetura da cidade foi destruída quase completamente pelo menos três vezes na sua história: a primeira vez em 10 de Maio de 1631 durante a Guerra de Trinta Anos, en seguida no 16 de Janeiro de 1945 pelos bombardeamentos americanos e a terceira vez depois do ano 1949 durante a "reconstrução" comunista da cidade em que foram destruídas infelizmente oito igrejas danificadas que pudessem ser reparadas.

No passado Magdeburg foi considerada uma das cidades mais bonitas da Alemanha com uma rica diversidade de edifícios construidos durante 1200 anos de sua história. Durante a Segunda Guerra Mundial cerca de 85 por cento dos edifícios da cidade foram destruídas transformando a velha "Roma da Alemanha" em um deserto urbano cheio de ruínas.

Apesar de igreja ter sido danificada várias vezes na sua história de quase mil anos, felizmente a maior parte do edifício resistiu aos bombardeamentos devastadores da Segunda Guerra Mundial. Apresar de telhado e abóbadas ter sido destruídos por as bombas americanas, os paredes circundantes, o coro e as torres gemelas sobreviveram aos ataques. En seguida a igreja era como ruína por onze anos depois da guerra. Apesar de edifício ter sido reparável, foi destruído no Abril de 1956 apesar dos protestos nacionais e internacionais.

As pedras da igreja foram transportadas no jardim zoológico da cidade, e a erva cresceu sobre os fundamentos. Nesses tempos um arranha-céu moderno foi planejado mas nunca realizado; assim a Praça Ulrico é uma área vacia sem nenhuma atmosfera urbana e sem nenhuma importância arquitetônica. A destruição começada pelas bombas americanas foi completada pela ideologia comunista ateística.



Inclusão da igreja na reorganização da cidade nos anos cincuenta

Um testemunho tangível da libertade y da tolerância

A Igreja de São Ulrico sempre foi refúgio e testemunho da libertade de pensamento. Nos tempos do "Escritório do Nosso Senhor" as idéias protestantes foram distribuidas de lá - o significado da expressão "protestante" é protestar contra a profanação, rigidez e as práticas da igreja deste período do tempo. No Terceiro Reich a paróquia de São Ulrico pertenceu à "Igreja Confessante" que foi a parte da Igreja Evangelica alemana que foi na oposição explícita contra a ideologia desumana e cruel do nacional-socialismo. No período do comunismo ateístico a igreja foi destruida exclusivamente por motivos ideologicos de materialismo histórico-dialético hostil à religião para impor a ideologia do Estado do Marxismo-Leninismo - uma linha ideologica muito opressiva e estreita. Por esta razão todos traços de vida religiosa tinham que ser eliminados do ambiente municipal do socialismo "moderno".

Assim a igreja não seria somente uma "nova" igreja de paróquia mas tambem um centro interconfessional, interreligioso e cultural, um ícone da liberdade de pensamento e de tolerância e tambem um memorial contra fundamentalismo e fanatismo de todos os tipos. Além disso, a igreja não poderá e não deverá ser utilizada exclusivamente como igreja de paróquia no significado "clásico" mas mais como "Citykirche" (um tipo de pastoral urbano nos centros das cidades), museu, salão de exposição, centro cultural e memorial, porque a Magdeburg todos os cristãos de todas as denominaçoes vivem como uma pequena minoria num tipo de diáspora porque mais que 80 por cento da população local não pertence a nenhuma religião nem a nenhuma igreja.

Por este razão somos ciente da oposição contra a reconstrução da igreja pelos motivos acima referidos. Conseqüentemente a Igreja de São Ulrico não representará uma única denominação mais pretende atingir uma sensibilização para a rica diversidade de worldviews, religioes, filosofias e planos de vida.



A Praça Ulrico com a Igreja de São Ulrico

A idéia da reconstrução da Igreja de São Ulrico e Levin sobre os fundamentos velhos

A reconstrução de edifícios históricos sobre seus próprios fundamentos não é nenhuma nova idéia. O sucesso surpreendente da reconstrução da Frauenkirche (Igreja da Nossa Senhora) a Dresda mostra a vontade do povo alemão de compensar a grande perda de edifícios históricos durante e depois da Segunda Guerra Mundial.
Estes edifícios históricos dão identidade as pessoas. Em muitas cidades alemãs vários edifícios históricos de grande importância já foram reconstruidas (Dresda: Igreja da Nossa Senhora, Brunswick: Castelo) o são na fase de planejamento (Potsdam: Igreja da Guarnição, Leipzig: Paulinerkirche (Igreja de São Paolo)). Em outros países se pode visitar reconstruçoes bem feitas, por exemplo em muitas cidades na Polônia (Varsóvia, Szczecin, Elbląg) e mesmo em Moscovo (Igreja de Jesus Cristo), que mostram que uma reconstrução seja possível e aceitável. A ausência das actividades urbanisticas nesta praça permite a reconstrução da igreja no local original sobre os fundamentos velhos originais.



Posição anterior da igreja

O edifício - incluindo seu átrio e seus caminhos circundantes - não reivindica mais espaço que aproximadamente um quarto do parque da Praça Ulrico. A igreja não toqueria nem a fonte por um lado nem a Avenida Ernst Reuter com a calçada por outro lado.

O atratividade do Norte da cidade velha iria crescer, e um conjunto exceptional de arquitetura  gótica, neoclássica do siglo XX y moderna seria creada - todo harmonizando completamente e difícil a encontrar em outro local em Alemanha.
Por razão da perda de oito igrejas acima referida a vista panorâmica de Magedburg com as suas torres gemelas típicas foi radicalmente reduzida. A reconstrução da igreja ajudaria restaurar o panorâma velho da cidade. A silhueta entre a Igrega de São João e a Catedral seria finalmente completada. A reconstrução da Igreja de São Ulrico seria um ajudo para uma compensação da devastadora destruição que a cidade teve que sofrer no passado.

Este site internet mostra a vontade de reunir as pessoas de todo o mundo que lastimam a destruição deste edifício maravilhoso e que são dispostos a apoiar o nosso projeto de reconstruir a igreja. Por favor, juntam e participam com nós. Nossa associação para a reconstrução da Igreja de São Ulrico e Levino precisa Sua ajuda e Seu apoio. Muito obrigado!



Conselho de Administração do Kuratorium Ulrichskirche e. V.

O primeiro Referendo de Magdeburg - um Referendo somente contra uma igreja: 76,05 por cento dos eleitores de Magdeburg votam contra a reconstrução da Igreja de São Ulrico, 23,95 por cento votam em favor da reconstrução

Uma iniciativa da cidadãos se voltou contra uma resolucão do Conselho Municipal do 24 junho 2010 que assegurava ao Kuratorium Ulrichskirche e. V. de fornecer o enredo e território original para a reconstrução da Igreja de São Ulrico sob condicão de presentar com antecedência um conceito viável de financiamento e de uso. Este iniciativa satisfez tambem a condição de fornecer pelo menos 10.000 assinaturas válidas para permitir o Referendo.

Apesar de muitos protestos e apesar de apelos freqüentes do Kuratorium Ulrichskirche e. V., do partido democrata-cristão alemão CDU e dos Liberais Jovens de não usar um sinal do proibição com uma igreja rasurada, a iniciativa contra a reconstrução usou este emblema em suas campanhas, por exemplo num anúncio de jornal local "Volksstimme", e feriu repetidamente os sentimentos religiosos da parte da população cristã da cidade de uma forma gravemente intolerante. Tales sinales do proibição são completamente indignos de uma sociedade moderna aberta e tolerante. O artigo 4 parágrafo 1 da Lei Básica Alemã diz: "A libertade da fé, da consciência e a libertade das crenças religiosas e ideológicas são invioláveis."

Citacão de: Volksstimme de Magdeburg do 19 março 2011

O primeiro Referendo na história de Magdeburg no 20 março 2011 com 198.203 pessoas com direito de voto causou uma afluência às urnas excepcional com 56,32 por cento. 76,05 por cento dos eleitores responderam com "Sim" e 23,95 por cento com "Não" a pergunta "E contra a reconstrução da Igreja de São Ulrico de Magdeburg?". 43,68 por cento dos cidadãos de Magdeburg com direito de voto não participaram ao Referendo. Este resultado do Referendo é juridicamente vinculativo para o Conselho Municipal para o periódo de um ano.

Igreja de São Ulrico - Quo vadis?

Ainda que somos cientes que a Magdeburg - acima de tudo causado por a história da RDA - apenas nove por cento da população pertençam à Igreja Protestante (Luterana e Reformada), quatro per cento à Igreja Católica e um per cento a outras religiões e confissões - assim aproximadamente 86 por cento sendo sem nenhuma religião ou confissão - e ainda que o Referendo parece mostrar uma clara rejeição da reconstrução da Igreja de São Ulrico temos que perceber o seguinte fato:

O número de pessoas que apoian e defenden um tal projeto está aumentando inexoravelmente e de forma constante! Inicialmente nos primeiras dias de estabelecimento da associação apenas uns poucos, essencialmente os membros fundadores do Kuratorium, foram inspirados dà idéia de uma reconstrução. Gradualmente várias centenas de pessoas se foram inspirar para este idéia - agora não só os membros do Kuratorium em um número aumentando mas também cada vez mais cidadãos. Então vários milhares de pessoas apoiavan o projeto - mostrado por as numerosas assinaturas nas nossas listas de assinaturas. No Referendo agora 26.470 pessoas tem votado em favor de uma reconstrução! Temos conseguido de salvar a igreja do esquecimento em que é caída por causa da destruição por razões ideológicas e por a seguinte supressão de esta questão durante a história socialista da RDA.

Especialmente neste momento continuaremos incansavelmente nossos esforços e fazeremos agora investigacões científicos aprofundados. Particularmente escavações arqueologicas fornecerão sem dúvida aspectos extremamente interessantes da história de mais de mil anos. O resultado do Referendo não proibe os trabalhos e actividades científicos. Estes actividades resultarão também que os cidadãos sejam sensibilizados cada vez mais para a igreja e que as resistências da populacão contra a igreja sejam diminuidos de forma constante.

Por este razão, por favor, ajude-nos especialmente mais neste momento a promover nossas próximas actividades particularmente no setor científico. 

Por favor, ajude-nos tamben por uma doação!

Por favor, ajude-nos com doaçoes aos nossos trabalhos correntes para garantir as actividades diários da nossa associação, para financiar primeiras escavações, para estabelecer uma fundação e finalmente para reconstruir a igreja.

Detalhes de bancos:
 
Banco: Deutsche Bank Magdeburg
Número da conta: 120804000
Banco número de código (somente para pagamentos nacionais na Alemanha): 810 700 24
IBAN: DE21810700240120804000
SWIFT/BIC: DEUTDEDBMAG

Banco: Stadtsparkasse Magdeburg
Número da conta: 32254500
Banco número de código (somente para pagamentos nacionais na Alemanha): 810 532 72
IBAN: DE63810532720032254500
SWIFT/BIC: NOLADE21MDG

Como beneficiário indica por favor o  "Kuratorium Ulrichskirche e.V.". Porque são somente contas de doação não é necessário indicar nenhum fim do pagamento. As doaçoes podem ser deduzidos dos impostos em conformidade com direito fiscal alemão. Por favor, informam-se mesmo sobre o tratamento fiscal de doaçoes em Seu país de origem o de residência. A confirmação de doaçoes (em alemão) será enviado no final do trimestre. Por favor indica Seu endereço por este fim. Por favor, diga-nos tamben se não precisa nenhuma confirmação de doaçoes, uma confirmação de doaçoes em português o com detalhes especiais.



"Muito obrigado!", diz o presidente da associação "Kuratorium Ulrichskirche e.V." (direita na foto).

Onze razões para a reconstrução da Igreja de São Ulrico e Levin:

•    edifício de maior importância na história do mundo por razão da distribuição das idéias de Martinho Lutero
•    igreja de batismo e de casamento de Otto von Guericke, o filho o mais famoso da cidade
•    foi a igreja a mais bonita de Magdeburg e uma das igrejas mais bonitas em Alemanha
•    a igreja a segunda mais velha de Magdeburg, dedicada a Ulrico de Augsburg, melhor amigo de Otto 1º, conhecido como Otto, o Grande, primeiro imperador alemão
•    razão de nome da Praça Ulrico
•    melhora a qualidade urbanistica do centro da cidade
•    atração turística muito interessante
•    restaurará o panorâma velho da cidade
•    ajuda a compensar a perda de oito igrejas por razão das ditaduras do nacional-socialismo e do comunismo
•    pode ser reconstruída sobre seus velhos fundamentos
•    única reconstrução no estile gótico-românico em todo o mundo

Agradecimientos especiais a Joachim Barone (Magdeburg) para a tradução.
Envia um e-mail com perguntas, notas o comentários sobre este site a  info@ulrichskirche.de .

Associação:
•    Kuratorium Ulrichskirche e.V.
•    Postfach 14 01 46
•    D-39045 Magdeburg, Alemanha
•    Telefono: +0049 (0)151/ 50151370

 
 
 
Spenden Sie!Link zu www.kirchensprengung.de Link zu www.unseres-herrgotts-kanzlei.de Link zu www.ottostadt.de
 
Zitat des Monats

Ich war noch Kind, als ich an der Hand meiner Großmutter in der Menge der Leute stand, die mit Tränen in den Augen Abschied nahmen von Ihrer Kirche. "Warum weinen die Leute?", fragte ich. "Weil die Kirche morgen weg ist", flüsterte meine Oma unter Tränen. Da war mir auch zum Weinen.
(Hella Hollerbuhl, Magdeburg am 22.10.16)

 
 
Das Buch über die Ulrichskirche

Jetzt online bestellen!

Das Buch über die Ulrichskirche Online bestellen!